MINISTÉRIO PÚBLICO E ENTIDADES ATUAM EM REDE NO COMBATE À VIOLÊNCIAS CONTRA A MULHER
10/08/2022 22:54 em Novidades

Dentro das atividades do Agosto Lilás, a audiência da Rádio Giruá 102.9, acompanhou nesta quarta (10/08), importante entrevista sobre as ações da Rede de Atendimento à Mulher Vítima de Violência Doméstica.

Estiveram presentes, a promotora de Justiça, Dra. Ecléia Silvani Deuschle (coordenadora), a presidente do Conselho da Mulher, Istel de Abreu Thomas, a psicóloga do CRAS, Vera Ruwer, a policial Civil, Silvia John e a integrante da SMEC, Solange Rockenbach.

Foi enfatizado que a Rede formada por várias entidades, busca enfrentar as mais variadas causas que resultam em violência contra as mulheres no ambiente doméstico.

A promotora Dra. Ecléia, lembrou que além das agressões físicas, as mulheres podem ser vítimas de constrangimentos financeiros, verbais, morais, além de difamações, pressões psicológicas e violências sexuais. Acrescentou que existem ainda situações dolorosas de violências de familiares e filhos, pois nem sempre os conflitos se restringem aos casos em que o homem é o agressor.

Por outro lado, a policial Sílvia John, revelou que só neste ano a DP local já registrou 48 casos de violência contra a mulher, frisando que muitos fatos não chegam a ser denunciados.

As demais participantes da entrevista salientaram que todos os órgãos que formam a Rede, estão imbuídos em realizar ações em conjunto para acolher e amparar as mulheres vítimas, cabendo aos órgãos policiais e judiciais as medidas punitivas aos agressores, conforme a lei e a urgencia de cada caso.

A Rede de Atendimento à Mulher, vem cumprindo um cronograma de atividades desde o mês de abril deste ano, com políticas e ações protetivas, visando combater e reduzir os índices de violência doméstica em Giruá.

Jaime Flores

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!